22 de janeiro de 2010

Ana

Estava aqui, ouvindo as músicas que tenho guardadas. Gosto muito de Ana Carolina, da voz, da melodia, e principalmente, das letras que ela canta. Cada música vem carregada de sentimento, seja ele qual for. Coloquei, ali do lado, a música "Beatriz", que julgo pouco conhecida mas igualmente bela. Esta música faz parte do Ao Vivo - Ana & Jorge (Seu Jorge), gravado em 2007, se não me engano. Ao final desta música, Ana faz a leitura de um texto que ganhou a internet. Lindo, forte, e sobretudo, verdadeiro. Vale a pena ouvir, mas o deixo aqui também, para quem quiser ler:

"Só de Sacanagem
Meu coração está aos pulos!
Quantas vezes minha esperança será posta à prova? Tudo isso que está aí no ar, malas, cuecas que voam entupidas de dinheiro, do meu dinheiro, do nosso dinheiro que reservamos duramente para educar os meninos mais pobres que nós, para cuidar gratuitamente da saúde deles e dos seus pais, esse dinheiro viaja na bagagem da impunidade e eu não posso mais. Quantas vezes minha esperança vai esperar no cais?
É certo que tempos difíceis existem para aperfeiçoar o aprendiz, mas não é certo que a mentira dos maus brasileiros venha quebrar no nosso nariz. Meu coração está no escuro, a luz é simples, regada ao conselho simples de meu pai, minha mãe, minha avó e os justos que os precederam: “Não roubarás”, “Devolva o lápis do coleguinha”, "Esse apontador não é seu, minha filha”. Pois bem, se mexeram comigo, com a velha e fiel fé do meu povo sofrido, então agora eu vou sacanear: mais honesta ainda vou ficar.
Só de sacanagem!
Dirão: "Deixa de ser boba, desde que Cabral que aqui todo mundo rouba", e eu vou dizer "Não importa, será este o meu carnaval, vou confiar, mais, e outra vez. Eu, meu irmão, meu filho e meus amigos, vamos pagar limpo a quem a gente deve e receber limpo do nosso freguês, com o tempo a gente consegue ser livre, ético, e o escambau!", dirão "É inútil, todo mundo aqui é corrupto, desde o primeiro homem que veio de Portugal", e eu direi "Não admito! Minha esperança é imortal! E eu repito, ouviram? Imortal! Sei que não dá para mudar o começo, mas se a gente quiser, vai dar para mudar o final."

8 comentários:

Viviane Zion disse...

Assino embaixo!

Shalom.

=)

Angel disse...

Oi, Viviane!

Que bom tê-la por aqui!

Abraços.

Luís Gonçalves Ferreira disse...

Eu sou absolutamente fã da Ana Carolina, especialmente desse algum ao vivo com o Seu Jorge. Ainda hoje o vi nas prateleiras da Fnac e lembrei-me deste seu texto. Beatriz é uma música lindíssima. Uma bela homenagem a todas as Beatriz deste mundo (e as todas as actrizes, também) e a todas as mulheres do geral. É muito bonita. Estranha-me dizer que é pouco conhecida aí no Brasil, já que aqui em Portugal é das mais conhecidas dela (talvez por ter sido interpretada por Maria João e Mário Laginha - vá ver ao Youtube, é bonita).
E sim, é verdade. Existe muita afinidade dos Portugueses com os Brasileiros. Somos um povo e bebemos da mesma cultura. Temos mais semelhanças do que todos pensam. Só não sei se a sacanagem é herança ou é comum a todos os humanos. O amor tem toda essa nuance do sofrimento.

Beijo, Angel!

Angel disse...

Luís, somos dois apaixonados por Ana Carolina. É uma voz linda, carregada de sentimento. E sinto tanta sinceridade nela, como se cantasse com a alma, como se cada música fosse especial demais para ela. Gosto disso. Quanto a Beatriz, é bem conhecida apenas pelos realmente fãs dela, os demais, que apenas ouvem os sucessos, não conhecem. Uma pena, não é? É uma música lindíssima. Ela virá no início de março aqui na minha cidade, e já estou a procura de quem aceite ir comigo!

Quanto a sua colocação, confesso que pra mim essa "sacanagem" é de todos os humanos, não de um país ou de outro. Infelizmente. Creio que as semelhanças que existem entre nossos países são maiores, é verdade, mas é que, de início, somos em grande parte um pedaço de vocês ai, em uma herança mais que genética até.

Abraços, meu caro!

Juliana. disse...

Ah as músicas de Ana Carolina são lindas adoro "Rosas", ouço muito, me sinto muito bem!!Adorei o post!

Bjos no teu coração Angel!!

Angel disse...

Rosas... linda música, Juliana. Temos todos, além da vontade de exteriorizar sentimentos, o carinho por Ana Carolina.

Abraços.

Jacque disse...

Ana é visceral! Gosto muito dela. Quanto ao texto, ele retrata bem a questão de que mesmo diante o descrédito, falcatruas, desonestidade e a falta de caráter que imperam desde muito tempo, ainda sim, há a esperança que nunca morre no coração daqueles que acreditam em dias melhores.

Adorei, Angel! Como sempre excelentes escolhas.

Um abraço carinhoso.

Angel disse...

Jacque, é um belo texto, não é mesmo? Lido e sentido por uma grande cantora. Acho que ela falou o que muitos, muitos de nós pensamos. Penso que o primeiro passo é exatamente este, afinal, antes de cobrar honestidade dos governantes, cada qual deve estar com sua consciência limpa, ter feito a sua parte. Tenho a sensação, as vezes, que muita gente reclama da corrupção, mas em seu cotidiano cultiva pequenos atos que podem até parecer insignificantes, mas mostram certa falta de caráter.

Mas ai, temos muito assunto... rs.

Abraços, querida Jacque!

Postar um comentário