10 de março de 2010

Loucura? Talvez.

Já sentiu tanta raiva a ponto de querer quebrar alguma coisa, gritar, xingar, sumir, morrer? Estranhamente é nesses momentos que me sinto viva. É inconsciente, é instinto. É o meu eu mais intenso. Impossível não sentir a vida pulsando nessas horas.

Me chamem de louca.

21 comentários:

Jacque disse...

Sensata, extremamente sensata.

Beijo!

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Ah já, como já senti rs.
Nem consigo contar até dez, pq demora muito até chegar ao dez rs.

Luciano A.Santos disse...

Angel,

Tenho vontade de esmirrar meu notebook a cada vez que o ligo, e tam bém no meu trbalho alguma coisa não está certa, me irrito com facilidade, assim como me indigno. Talvez precise de férias.

E louca, você? Não, acho que estas reações são normais.

Abraços.

Angel disse...

Ufa! Ainda bem, Jacque.

Abraços!

Angel disse...

rs... Alexandre, isso de contar até dez nunca funcionou comigo também. O pior é que parece funcionar com muitas pessoas, mas, cada um lida com a raiva de um jeito, não é mesmo?!

Achando uma técnica melhor, me diga, vai que dá certo?!

Abraços!

Angel disse...

Luciano, quando a gente fica se irritando com facilidade é porque algo está errado. Eu sei como é isso e é angustiante. Férias é uma ótima idéia, vai para uma praia tranquilinha, deita sob a sombra de um coqueiro e tome uma água de côco geladinha. Funciona pra mim.

Abraços!

Luís Gonçalves Ferreira disse...

Eu hoje estou assim: Com vontade de pregar dois estalos a quem me desafina e dois beijos a quem me ama. Não dá só para o mal esse estado sadio de ser. A mim dá-me para tudo. Concordando contigo: Isto é viver. É ser-se por inteiro sem reservas. Na normalidade temos que calar muitas coisas para não parecermos loucos ou qualquer coisa do género. É bom ser louco. É sinal que se vive. Os que mais vivem são os aparentemente mais loucos porque se permitem a ser em muitas formas. Os outros são mudos. Engraçado que o mudo e louco é ser-se, aos olhos dos outros, simplesmente diferente.

Beijoooooooo
PS.: Se isto parecer confuso não ligues. Hoje estou absolutamente parvo da cabeça :)

ErikaH Azzevedo disse...

A verdadeira só está no extremo da lucidez...correr risco não é lucido mas só assim fazemos a vida valer a pena.
E se somos loucos sendo assim q possamos assim enlouquecer umdiadecadavez...rs

um bjo

Erikah

Angel disse...

Luís, lembre-me de um post que eu fiz há alguns dias, onde eu disse que hoje ser diferente me parece ser sinônimo de anormal. Gosto dessa idéia de liberdade, e detesto o fato de ter que conter sentimentos para que a sociedade não me julgue e me faça merecedora de fazer parte do todo. Mas, será que se fossemos todos sempre fiéis a nós mesmos, conviveríamos tão bem?

Enfim, eu hoje não sou exemplo de ordenação também.

Abraços, amigo Luís!

Angel disse...

Erikah, é exatamente isso que eu estou fazendo, estou enlouquecendoumdiadecadavez...

:)

Abraços!

ErikaH Azzevedo disse...

..e fazestumuitobem

rs

bjo!

Angel disse...

:)

Paulo Tamburro disse...

ANGEL,

eu não tenho a menor dúvida do que você falou.

No entanto, só gostaria de ESTAR BEM LONGE, quando isto acontecer (rs).

Não singela, ANGEL, de forma nenhuma você é louca, apenas vá tomar sua injeção na veia pra DORMIR(RS).

ANGEL, desculpe a brincadeira, mais a minha "praia" é o humor, bem pelo menos eu acho que escrevo humor.

Caso você queira visitar-me ficarei muito honrado, e pode vir quente que eu estarei friozinho, friozinho(rsrs).

Um abração carioca ANGEL, e fique com DEUS!

Juliana. disse...

Angel, já senti raiva, sempre que sinto isso é tão ruim..acaba-se por machucar alguém, mais aprendi muito com o tempo e com uma pessoa a moderar este sentimento ruim!
Um abraço Angel!

Angel disse...

rsrsrs

Paulo, gostei!

Pode deixar que vou dar uma olhado no seu blog.

Abraços!

Angel disse...

Ei, Juliana, realmente não pode chegar a esse ponto, ainda mais quando pode machucar quem está por perto. Uma boa é gritar no travesseiro, fazer aula de boxe, pegar o carro e dirigir sem rumo...

Abraços!

Bleeding_Angel disse...

Leia este post e tera a minha resposta. rs
Escrevi hj na biblioteca do colegio:

http://the-vamp-diaries.blogspot.com/2010/03/page-25.html

Bjos Angel.


PS: E tem selos pra vc no meu memorial, dah uma passada e uma procurada lah:

http://celamemorial.blogspot.com

Angel disse...

Vou ler, então!

Ahh... vou lá buscar meus selos, amigo anjo!

Valeu :*

leonel disse...

Sinta raiva, xingue, odeie, mas viva... isso tudo também é vida. E se é vida, é preciso viver até o fim. Louco é aquele que não saber vi-ver.

Abraço de um mortal.

Angel disse...

Suas palavras fazem muito sentido, leo. Todo sentimento vale a pena, nos faz vivos.

Que saibamos todos viver!

Abraços.

Bia Monteiro disse...

Louca somos todos nós... por vivermos nesse mundo tão normal...
=)

Postar um comentário