9 de março de 2010

Das pessoas que estão por ai...

Eu posso ver o vazio através dos teus olhos, como se tivessem roubado o pouco de vida que existia ali. Não sei se você ainda é humano, se tem qualquer sentimento, chego a duvidar que ainda tenha um coração batendo no peito. Em algum momento você se perdeu, e eu acho que você nem se deu conta disso. Está tão ocupado com seu próprio mundo que se esqueceu que lá fora existe um mundo inteiro, onde dão nome de dor ao amor e de proteção à mentira. Tudo bem, mundos paralelos, de tamanhos diferentes, mas, essencialmente iguais. Ainda consegue se ver no espelho? Consegue reconhecer a imagem que se forma? Está borrada e distorcida, e só você acredita que ainda há alguma nitidez. Não quero pensar que seja isso que você deseja ser, alguém assim, tão pequeno. E é tudo tão claro que eu tenho certeza que você enxergaria se pudesse ver com os olhos que você teve um dia. Não se trata de mim, nem do que eu penso sobre você, se trata do que você é de verdade. E eu me recuso a acreditar que você se orgulhe disso.

12 comentários:

Marcelo Mayer disse...

beijaram a boca e se tornou poeta. o problema é o espelho se quebrar

Reyel Angel disse...

Qtas vezes nós tbm nos esquecemos do mundo lá fora...
Querida, obrigada por suas palavras!
Bjos na alma!

Angel disse...

Marcelo, vamos torcem para que não se quebre, então, mas para que a imagem real seja vista. O que acha?

Abraços!

Angel disse...

Sim, Reyel, e isso é bem normal, digo, acontece várias vezes. Não sei se isso é sempre ruim, na verdade acho que não, mas quando só o nosso mundo é que importa, os nossos sentimentos os mais puros, nossos sofrimentos os mais intensos, ai sim, é hora de rever conceitos.

Eu que agradeço a visita, amiga Reyel.

Abraços!

Bleeding_Angel disse...

Eu entendi bem o q quer dzer, tbm conheci uma pessoa assim e realmente, eh lamentavel.
Lamentavel pq soh ela se julga perfeita, lamentavel pq ela pregava o perdaum pelos quatro cantos do mundo e num deslize q eu tive q nem foi pra ela, foi pra uma outra pessoa, em q me humilhei pra me redimir ela soh me espezinhou mais e ainda tentou destruir minha relacaum de amor com a minha mae. Isso pq dizia me amar como a um filho, como a um irmaum!
Imagine se me odiasse...
Bjos Angel e olha, ignore, pessoas assim naum valem um cent de nossos pensamentos.
Adoro vc.

Angel disse...

Sabe, amigo anjo, minha mãe já dizia que você só conhece de verdade uma pessoa quando precisa dela. Conhecemos nas palavras, nos atos, nos detalhes também, é claro, mas quando você precisa dela em nome de algo que só favorece você, algo apenas seu, ai sim, você a conhece. Eu posso virar para qualquer um e dizer que sou perfeita, que tenho um grande coração, que sou isso, faço aquilo, mas eu não posso fingir ações, ou eu faço ou eu não faço, simples assim. Há quem queira parecer perfeito e eu acho que isso é um golpe desesperado de quem sabe o quão imperfeito é, e quão longe as pessoas o manteriam se descobrissem quem é de verdade. Como você disse ignorar é uma saída, porque acredito que elas já sofram o suficiente, ou irão sofrer, apenas por saber quem realmente são.

Abraços, amigo!

Juliana. disse...

Interessante que as vezes as pessoas usam tantos disfarces, que mesmo que olharmos nos olhos veremos só vazio, não sentimentos! O ser humano está deixando de lutar pelo que ama..e se jogando ao materialismo, ao fútil, ao sentimento irreal ou a realidade momentânea e deixando de viver sua humanidade!
Um abraço Angel, belas palavras!

Angel disse...

Belas palavras, Ju, e eu concordo com todas elas. E fico me perguntando onde vamos chegar, sabe? Em que mundo meus filhos vão viver... Mas, enfim, cada um deve agir como acha que deve, ninguém é 100% certo nem 100% errado, mas não acho que estejamos no caminho certo.

Abraços, Ju!

Fabio Rocha disse...

Demais!!

Angel disse...

Valeu, poeta!

Abraços.

leonel disse...

Não tem como se orgulhar. A imagem está distorcida, o espelho está quebrado. Tudo é só um conto de fadas. Cá dentro é muito pior do que uma história de terror. Ninguém sabe como termina. Mas, eu sei.

Abraços de um mortal.

Angel disse...

Se ao menos você sabe, já nos damos por satisfeitos. Há um entre nós no caminho certo.

Abraços, leo.

Postar um comentário