13 de junho de 2010

Meu lado romântico-cafajeste

Tenho buscado os beijos que eu não dei, nas bocas que desconheço, e nos corpos que não habitei, dar abrigo ao coração doente que trago no peito. Desacreditei do que é eterno há tempo, se é que um dia acreditei, minhas preces são ao efêmero, acendo velas ao meu desejo e é no desapego que pareço crer. Sinto pena da próxima iludida, que ao entrar na minha vida, sentirá o peso que é carregar o meu amor. Mas, o que tenho são estes momentos, os minutos em que prometerei a ela a minha vida, como a onda que abraça a pedra com toda a sua força, a envolve completamente e em segundos, precisa ir. Meu amor é do avesso, eu sei, eu reconheço, é Ser itinerante vagando mudo, sem rumo, pelo mundo inteiro, é sentimento que não mereço, que uso na esperança de que preencha o vazio que há em mim. E àquelas que por ventura o queiram, deixo aqui a chance de tê-lo e de cuidá-lo com todo zelo, até que a cama fria, em uma madrugada minha, te avise que eu precisei partir.

38 comentários:

Impulsiva disse...

Pelo título já vim correndo ler, rsrsrs.
Sabe, estou encontrando mais coisas em comum entre nós. Quem acredita? rsrsrsrs

"Desacreditei do que é eterno há tempo, se é que um dia acreditei, minhas preces são ao efêmero, acendo velas ao meu desejo e é no desapego que pareço crer."

Perfeito Angel!!! É você e sou eu, são teus devaneios e minhas verdades, é o que penso e sinto, hoje, apenas hoje...

Beijos menina linda que escreve muito bem!

Kenia.

cantinho she disse...

...qdo a dor passa chega os ensinamentos e percebemos que nos tornamos melhores e maiores para enfrentar o que está por vir, novas histórias e estórias virão e a nós só cabe sermos felizes no presente da relação, o resto? O resto é com Deus e com o destino! A nossa parte é fazer acontecer e ser feliz, cedo ou tarde, mas sempre na hora certa o amor chega.
Beijooooo
She

! Marcelo Cândido ! disse...

Seu amor sendo do avesso continua sendo um amor...
! ! !

Meri Pellens disse...

Querida, talvez às vezes seja melhor para alguns um amor cafajeste do que amor nenhum.
Beijos na alma, querida!

Angel disse...

Kenia, minha linda amiga-impulsiva, fico muito feliz quando alguém se identifica com o que escrevo, é uma proximidade boa que me faz mais parte do mundo, menos sozinha em meus devaneios. Muito bom saber da sua identificação, flor!

Obrigada pelo carinho!

Abraço.

Angel disse...

She, minha amiga, o amor está por ai, não é mesmo?! Procurando por nós. Às vezes ele passa e a gente nem liga, dai um tempo depois passa de novo e... a gente tem a sorte de ver, pega pelo braço e não deixa ir. Há de durar o tempo que for, pois quando acaba fica, ao menos, os momentos, e o que aprendemos com tudo o que passou.

Muito boas suas considerações, flor!

Abraço.

Angel disse...

Será, Marcelo?! Pois bem, eu não duvido... Mas um amor do avesso faz outras pessoas sofrerem, será que é justo?

Abraço, meu amigo!

Angel disse...

Meri, colocação interessante a sua... Difícil saber o que é pior, se a ausência de amor ou um amor cafejeste... Vai ver, a primeira opção é mesmo a pior.

Abraço, minha amiga!

Tiago disse...

Um dia o tempo será exato.

T.

Angel disse...

Tomara, Tiago, porque até agora ele tem sido curto demais...

Bem vindo, meu caro!

Abraço.

Bia Monteiro disse...

Quem é q nunca teve um amor cafajeste, neh...
Uma super semana amigaaa
Bjo anja
=D

Angel disse...

Ahh, Bia... Duvido que há alguém, viu!

Excelente semana para você também, flor!

Abraço.

Angel in the dark disse...

Um dia teu amor não será mais assim!...

Beijito
Angel

Angel disse...

Ahh, o amor... Tem vontade própria, não é mesmo, Angel?! Há de ganhar muitas outras faces...

Abraço!

carol sakurá disse...

Vale mais um amor verdaeiro e, adorei o texto!
Beijos!

Angel disse...

Este vale ouro, não é Carol?!

Obrigada pelo carinho, flor.

Abraço!

Franzé Oliveira disse...

A vida é efêmera.
E sempre estamos partindo.


Beijos querida.

Angel disse...

Concordo tanto com você, Franzé...

Abraço, meu caro!

Patty Vicensotti disse...

(..)Desacreditei do que é eterno há tempo, se é que um dia acreditei"

Me vi nessa frase Angel...
Também estou numa fase assim.

Adorei teu texto viu?
Um beijoOO!

Angel disse...

Então estamos, Patty...

Será que um dia voltaremos a acreditar?

Obrigada pelo carinho, flor!

Abraço.

Bleeding_Angel disse...

Nada eh eterno colega de nuvem. Temos q viver o AGORA, soh isso. Melhor viver assim do q olhar estagnado a vida passar.
Bjos, saudades daki!

Moni. disse...

Eita, quanta intensidade, dona moça!

Parece que as coisas andam em carne viva por aí... E assim, esse momento "jogado no mundo", com vontade de sair dando o troco até a quem não merece...

Mas passado o vendaval... O amor chega de novo e habita. E tudo volta pro seu lugar...

Beijos!

ErikaH Azzevedo disse...

Menina do meu céu...que prosa poética é essa hein..lindooo demais...puro sentimento a colar por cada letra, ou será cada letrar a tocar cada sentimento hein...leio e é pouco, vontade de te respirar, de tão linda que és menina...linda demais ....idiota o que decidiu não te ter mais ao alcance das mãos viu! Se quiseres, caso-me contigo..e já! Foste agora no que dói, o lado mais bonito da dor.

Bjos, muitos, abraços de quebrar os ossinho tb.

Erikah

Barthes disse...

Nossas crenças são episódicas Angel.Gostei demais da conta do texto,o seu tanto niilista,o seu tanto agônico,o seu tanto irônico,o seu tanto trapezista.Bjosss...

Metamorfoses disse...

Ótimo título...Preciso exercitar esse meu lado tbm!rs
bjs!!!

Angel disse...

Ei, coleguinha de nuvem, saudades de você aqui, viu?!

Pois é, a gente as vezes fica esperando, sonhando, planejando... e esquece de viver. A vida passa muito rápido, parece que foi ontem que eu estava entrando na universidade, 16 anos, um monte de sonhos a realizar... É preciso viver o que temos, o agora, exatamente como você disse.

Abraço, anjinho!

Angel disse...

Moni, é exatamente assim que as coisas andam por aqui, sabia?! E gostei tanto da sua definição que levarei ela para mim: as coisas andam em carne viva. Eu vivi cada coisa nestes últimos tempos que se me contassem que aconteceria, eu não ia acreditar. Coisas da vida. Agora é esperar o resultado disso por aqui... rs.

Que o vendaval passe, flor.

Abraço!

Angel disse...

rs... ErikaH, sua flor linda! Estou achando que o anjo aqui é você, com todo esse carinho que sempre tem para mim. Obrigada pelas palavras, minha amiga, você nem imagina o quanto são importantes para mim, e pelo carinho então... sei nem como agradecer! Você é um doce, do mais doce que existe neste mundo!

Abraço, minha amiga querida! Feliz demais que tenha gostado.

Angel disse...

Barthes, eis ai uma mistura de tudo, e gostei, além de concordar, com a sua definição.

Sabe, acho que todos nós temos, além de um lado romântico, um lado cafageste, que por vezes confluem e se fundem. Alguns são assim por natureza, por vezes até sem perceber, outros vão se descobrindo, ou ainda, não forçados a ser.

Seja bem vindo! Fiquei muito feliz com sua presença, e espero vê-lo mais vezes.

Abraço!

Angel disse...

Fabrizia, use, mas, exercite com moderação. Ou não.

rs

Abraço, flor!

Erica Vittorazzi disse...

Perfeito. Lindo o texto.


Meu lado cafajeste já virou romântico há tempos.

beijos

Angel disse...

Obrigada, Erica!

Amiga, meu lado romântico é que está virando um belo de um cafajeste... rs.

Abraço, flor!

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

O negócio é viver o amor. Temos sim um lado cafajeste, irresponsável e louco. Não tem como deixá-lo para sempre em silêncio... e é muito melhor viver um amor cafajeste que não viver nenhum, ou viver sonhando com sapo-que-vira-príncipe...

Angel disse...

Alexandre, tenho a seguinte frase comigo: cansei de príncipes, vou me casar com o sapo. Pois ela traduz muito disso que você falou, sabia?! A gente fica esperando o amor perfeito, o príncipe encantado, e se esquece que príncipe não existe e que o amor não precisa ser único.

Abraço, amigo-de-longe (na distância apenas).

Juliana. disse...

Angel, voltei, ufa..rs..gostei do "o meu amor é do avesso", mais como é bom amar de um jeito diferente, surpreendente, que nos tira do chão, sabe..não o juízo, mais parte dele..rss
um abraço minha amiga
Ju

Leo disse...

Pois é, esse lado cafajeste quem não tem ou nunca o fez pelo menos uma vez? após aquela decepção, a gente sempre pensa em sair por aí bagunçando, né? sapos pulam mais alto que príncipes.

te beijo amiga querida.

Angel disse...

Ju, que bom que voltou, minha amiga!

Pois é, estes amores do avesso tem tudo para ser os mais gostosos...

Abraço, Ju!

Angel disse...

Então, Leo, concordo com você, e digo mais, pelo que vejo, quem conhece este lado do amor dificilmente o abandona.

Abraço, meu amigo!

Obrigada pelo carinho, viu?!

Postar um comentário